Inversores e Sistemas Inversores de Tensão - Industrial | CTRLTECH - Conversão de Energia

Inversores e Sistemas Inversores de Tensão - Industrial


A linha de Sistemas Inversores CCIS da CTRLTECH, pode ser composta e configurada de diferentes formas, utilizando-se redundâncias entre módulos Inversores paralelos ou não, Chave Estática de Transferência Micro-controlada, Transformador Isolador na Rede CA (quando usada como ramo alternativo), Módulo com Distribuição de Carga CA e Bypass Manual, etc.

A principal característica destes Sistemas Inovadores é oferecer energia CA de excelente qualidade a alta disponibilidade na alimentação de cargas críticas como sistemas supervisórios, CPD’s e outros, a partir de conversão CC/CA.

Aplicação:
Para uso Industrial, Sistemas de Telecomunicações e Sistemas de Controle de Processos convertendo Energia CC para CA de forma confiável e segura.

 
Família CCI (Inversor Singelo) CCIS (Sistema Inversor)
Características Elétricas CCI e CCIS Potência: Até 100 KVA
Tensões de Entrada 24, 48, 125, 250 Vcc
Tensão de Saída 110, 115, 127, 220 Vca ou sob consulta, Monofásica ou Trifásica
Frequência de Saída 50, 60, 90 e 400 Hz – Senoidal
Distorção Menor que 3% (para senoidal)
Características Gerais
  • “Sharing” de Corrente
  • Paralelismo com Redundância ou divisão da potência (CCIS)
  • Rápida Manutenção – Baixo MTTR (Tempo médio para reparos)
  • Proteção independente por módulo. Controle Independente por módulo
  • Opção para sistemas “plug-in” e “Hot Swap” nos módulos de potência
Composição do Sistema CCIS
  • CCI – Módulo Inversor
  • CSE – Chave estática de Transferência Automática
  • MTI – Módulo Transformador de Isolação
  • PD – Painel de Distribuição com “By-Pass” manual
  • GAB – Gabinete Metálico para suportar itens acima Configurações Típicas do Sistema – CCIS
  • Sistema Redundante com a Rede CA (1+0)
  • Sistema Redundante com outro Inversor (1+1)
  • Sistema Paralelo em Configuração (Nx1)
  • Sistema Redundante com a Rede de Inversores em paralelo (Nx1) + 0
Proteções
  • Sobrecarga por limitação de potência
  • Curto circuito na saída, limitação de corrente
  • Subtensão de baterias
  • Sub/Sobretensão de saída
  • Transferência para Rede Alternativa (somente quando possuir chave estática)